4 motivos que fazem do mapa estratégico do BSC um componente-chave para o sucesso da Estratégia

O que é um mapa estratégico do BSC? Geralmente, a primeira vez que perguntamos a uma equipe o que eles acham que é um mapa estratégico, a maioria lembra dos mapas topográficos usados para guiar as tropas em uma guerra.

Segundo Norton e Kaplan, os professores de Harvard que criaram o Balanced Scorecard (BSC), a lógica é essa mesma! Assim como o mapa topográfico é um componente-chave para as tropas numa guerra, o mapa estratégico é um componente-chave para as equipes na implementação de sua estratégia, a partir do BSC (Leia mais sobre esta metodologia de gestão estratégica, clicando aqui>>>).

Quer saber por quê? É exatamente isto que vamos responder neste artigo, mostrando os 4 motivos principais que fazem do mapa estratégico um componente-chave para o sucesso da implementação do Balanced Scorecard. Vamos lá?!

O que é um mapa estratégico do BSC?

Para você que ficou em dúvida, nós respondemos. Mapa estratégico é uma ferramenta que utiliza o poder da imagem para traduzir visualmente o planejamento estratégico de uma empresa. Nesta imagem, estão presentes a missão e a visão da empresa, que se desdobram em objetivos e metas claras que envolvem todos os níveis da organização, do gerencial ao operacional.

 

AGORA, VAMOS AOS 4 MOTIVOS

 

1 – O mapa estratégico do BSC é SIMPLES E FUNCIONAL

Imagine poder resumir todo o planejamento estratégico da empresa em uma folha A4?! É disto que estamos falando, quando a organização cria um mapa estratégico. A ferramenta permite elaborar uma composição objetiva que mescla:

– Descrição do MVV (Missão, Visão e Valores);
– 4 Perspectivas do BSC (Finanças, Clientes, Processos Internos, Aprendizado & Crescimento);
– Objetivos estratégicos crucialmente importantes de cada perspectiva.

Para ilustrar o que estamos falando, veja um exemplo de mapa estratégico do SENAI:

 

2 – O mapa estratégico do BSC MELHORA A COMUNICAÇÃO DA ESTRATÉGIA

Por ser simples e funcional, o mapa estratégico permite a qualquer empresa – seja de que porte for – comunicar seus objetivos estratégicos para colaboradores, clientes e stakeholders.

Os objetivos são apresentados de forma conectada, ficando claras suas relações de causa e efeito, tanto de forma vertical quanto de forma horizontal. Tomando por exemplo a pergunta-chave da perspectiva financeira do BSC – “Para ter sucesso financeiramente, como nós devemos aparecer para nossos investidores?” – no mapa estratégico será possível apresentar graficamente aos seus stakeholders o que a empresa pretende fazer para cumprir com o compromisso assumido. O mesmo se repete para clientes e colaboradores.

Relembre as perguntas-chave das quatro perspectivas do BSC:

 

3 – O mapa estratégico do BSC é FANTÁSTICO PARA GESTÃO DE RISCO

No mapa estratégico, é possível trabalhar com recursos de faróis e cores que permitem identificar, em fração de segundos, que objetivos estratégicos estão indo bem ou mal.

É comum os assessores executivos proporem a utilização de cores para sinalizar o desempenho da organização. Por exemplo:
– Verde: quando o objetivo está progredindo em relação à estratégica;
– Vermelho: quando está regredindo;
– Amarelo: quando o objetivo está instável entre o verde e o vermelho, ou seja, às vezes progredindo e às vezes regredindo em relação à estratégia.

Portanto, a partir de todos estes recursos, o mapa estratégico permite que o gestor não só identifique setores e situações de risco, mas aja rapidamente sobre a situação, entrando em contato com os departamentos e verificando por que o objetivo não está progredindo em relação à estratégia.

Veja alguns exemplos de mapa estratégico do BSC para instituições públicas e privadas:

 

 

 

 

4 – O mapa estratégico do BSC é GARANTIA DE MELHORIA CONTÍNUA

Quando os conceitos da estratégia são apresentados de forma visual, eles acabam funcionando como um espelho da organização. Isso porque, como vimos, ele permite monitorar continuamente a organização, focando essencialmente as quatro perspectivas do seu BSC. Isso significa dizer que o mapa estratégico consegue refletir todo o esforço que todos estão fazendo para o alcance dos objetivos estratégicos.

Dessa forma, o mapa cria sinergia para organização, estimulando o aprendizado estratégico e um trabalho coordenado e colaborativo, em uma mesma direção (todos remam para o mesmo lado). E o melhor de tudo é que todos os envolvidos conseguem facilmente identificar se a organização vai bem ou não em relação à estratégia e em quais objetivos ele mesmo precisará dedicar mais esforços para que a empresa obtenha o sucesso desejado.

Deu para perceber que esses 4 motivos que apresentamos são praticamente argumentos para sua empresa adotar esta ferramenta, para ontem!

E então? Sua estratégia é acompanhada de um bom mapa estratégico? Sinceramente, manter tudo na cabeça da liderança ou em papéis intraduzíveis não é uma boa estratégia.

Tem interesse, mas não sabe muito bem por onde começar? Entre em contato com seu assessor executivo do Daexe ou poste um comentário abaixo. Nossa missão é conduzir sua empresa à excelência administrativa.

Um abraço,

Dekker Jordão Baptista

Deixe seu comentário: