Posts

Contabilidade gerencial: o que é e como começar a fazer na sua empresa

Contabilidade Gerencial: Veja o que é e como fazer

Diferente da contabilidade financeira, a contabilidade gerencial produz relatórios para gerentes, diretores e demais públicos internos. Quando bem realizada, ela se torna uma ferramenta contábil que pode refletir em melhores resultados.

Além de ser importante para ajudar a criar ações futuras, a contabilidade gerencial oferece uma visão completa da empresa. Se você ainda não implantou essa ferramenta na sua gestão, conheça mais sobre ela a seguir:

O que é a contabilidade gerencial?

A contabilidade gerencial é considerada uma ferramenta contábil. Com uso estratégico, ela reúne dados da empresa que possam ser relevantes aos gestores. A sua principal função é orientar a tomada de decisões.

Os relatórios gerados são estratégicos porque se concentram naquilo que é necessário se ter conhecimento. Eles podem incluir detalhes dos recursos financeiros disponíveis, fluxo de vendas, contas a vencer, etc.

  • Para entendê-la melhor conheça os seus principais benefícios:
  • Aumenta a eficiência dos gestores;
  • Auxilia na tomada de decisões;
  • Auxilia na fixação de preços;
  • Atua na previsão financeira;
  • Otimiza o controle de desperdícios;
  • Aumenta a comunicação entre os diferentes níveis de gestão;
  • Aumenta o lucro;
  • Norteia decisões estratégicas.

Como aplicar

contabilidade gerencialPara aplicar a contabilidade gerencial, é preciso integrá-la com toda a contabilidade da sua empresa. Isso acontece porque para gerar os relatórios deve-se ter acesso a todo orçamento e custos.

Além do desenvolvimento dos relatórios, a estratégia pode ser aplicada ainda com outras ações. Aproximar a contabilidade de todos os departamentos é uma dessas ações. Assim, é possível que todos participem da construção de estratégias aprofundadas.

O acesso a toda e qualquer informação da empresa também é fundamental para aplicar a contabilidade gerencial. Somente assim é possível a precisão dos resultados. Além disso, contar com softwares de dados fiscais também ajuda a reduzir os erros.

Veja Também: Gestão Financeira por fluxo de caixa e por fluxo de competência

Contabilidade gerencial versus contabilidade financeira

Entender a diferença entre essas duas formas de contabilidade é simples. Basicamente, elas dividem-se em externa e interna. A contabilidade gerencial é considerada interna. A diferença é que ela apresenta as informações para os próprios gestores, sócios e empregados da empresa.

Por outro lado, a Contabilidade Financeira é focada em apresentar as informações para o público externo. No caso, esse público pode ser fornecedores, investidores ou até o governo.

O grande benefício da Contabilidade Gerencial é que os seus dados são pensados em benefício da própria administração da empresa. É importante destacar que uma não é mais importante do que a outra, já que possuem focos distintos. Para traçar estratégias de crescimento, por exemplo, a Contabilidade Gerencial pode ser muito mais efetiva.

Plano de Conta Personalizado

Mesmo não possuindo nenhuma validade legal, o Plano de Contas Personalizado pode ser um diferencial na construção da Contabilidade Gerencial. A sua função é auxiliar na análise das informações da empresa. Com ele é possível visualizar inúmeros dados:

  • Valor de vendas;
  • Vendas em cartão/cheque/dinheiro;
  • Compra de mercadorias;
  • Material de consumo;
  • Contas como luz e água.

Em suma, tudo o que acontece na empresa relacionado à contabilidade poderá constar no plano. Para utilizá-lo, contudo, é necessário contar com um software de gestão que possua a função. 

O Plano de Contas Personalizado destaca-se pelo alto detalhamento das informações. Normalmente em planilhas, ele as apresenta de forma clara e separadas por atividades dentro da empresa. O plano pode conter ainda as contas e suas descrições para facilitar a interpretação de quem receber o relatório.

A contabilidade gerencial, de fato, não acontece sozinha. Como se salientou, ela depende tanto de recursos como o Plano de Contas como de pessoas que formam a empresa. Unindo informações e métodos, ela pode ser decisiva para uma empresa que busca crescer.

contabilidade gerencial

 

PRINCIPAL ALICERCE PARA ALCANÇAR O DESEMPENHO ESPERADO PELAS EMPRESAS

A assessoria executiva funciona como um dos principais alicerces para se alcançar o desempenho esperado pelas empresas. Esta atividade é de vital importância para o desenvolvimento das empresas.

Uma empresa, em especial no inicio de suas atividades necessita de um apoio ou de uma instrução inicial de como estruturar os seus departamentos e processos. Ainda que venha a ser composta por pessoas experientes e já com conhecimento a respeito de gestão empresarial e de negócios, é muito difícil que uma empresa possua em seu quadro ou em seus recursos todos conhecimentos necessários para o alcance dos seus objetivos.

Embora útil e em alguns casos possa ser considerada essencial, a assessoria, ou melhor, o serviço /profissional não deve ser considerado algo permanente e de posse da empresa. De fato o assessor executivo por meio da sua atuação e vivência junto à empresa acabará conhecendo bastante como ela é, assim como aquilo que precisará ser melhorado nela. Todavia, uma das principais vantagens da assessoria executiva é o fato dela não fazer parte da empresa e exercer sempre uma visão ou atuação como terceiro, ou seja, de fora da empresa.

Entre as vantagens, está a imparcialidade, ou seja, a assessoria executiva não irá favorecer a nenhuma parte interna na empresa; os assessores executivos são profissionais que buscam sempre estar se atualizando e adquirindo os conhecimentos e competências mais modernos e de melhor desempenho; a crítica de um profissional que está em contato com o mercado e outras empresas; a experiência e bagagem em si que o profissional em si traz consigo.

Por meio dessas vantagens citadas acima, entre outras, destaca-se também que os assessores executivos têm a capacidade de ver algo além ao que está sendo observado pela empresa. Desde gargalos internos, até mesmo oportunidades de negócios não contempladas ou percebidas pela empresa.

Por outro lado, isto acaba gerando uma certa dependência das empresas por este serviço, em especial no que diz respeito a inovação e melhoria organizacional.

O serviço de assessoria executiva é útil e importante para as organizações. Seja no seu inicio ou mesmo durante o seu funcionamento, este serviço pode trazer o diferencial que ela precisa para conseguir alcançar os seus resultados.