Home Office de sucesso: 7 ferramentas para aumentar sua produtividade

Trabalhar em Home Office não é tão difícil, mas exige uma organização maior do que a que estávamos habituados em um escritório. E se você está estreando nesse modelo de trabalho, essas dicas podem te salvar.

Você pode gostar: Inovação Organizacional: Como aplicar na sua empresa

A primeira coisa que você precisa ter em seu Home Office é tempo para se organizar. E pode ser 10 ou 30 minutos por dia. Mas nesse período você vai organizar todos os seus arquivos.

 

Stay Safe Home Office

7 dicas para aumentar sua produtividade em Home Office. Foto: Tina Whiterspoon/Unsplash

 

 

Que tal fazer um raio-x da saúde da sua empresa com um diagnóstico gratuito da Daexe? Agende seu horário com um assessor.

 

Ajustar nomes, colocar nas pastas corretas e revisar tudo. A dica principal é tomar cuidado com a pasta downloads, muita coisa fica esquecida lá.

Os nomes dos arquivos precisam ser descritivos. Se você ou outra pessoa tiver dificuldade, ela pode pesquisar os arquivos por nome. Isso dá muita agilidade ao trabalho.

 

 

Produza mais no seu Home Office com essas ferramentas

 

1. Microsoft Teams

Esse é um programa gratuito, mas com versão paga. Nas opção completa é possível realizar até videoconferência dentro da própria plataforma.

Com ele é possível criar “wikis” pequenos tutoriais, anexar planilhas e documentos do Word se você tiver a suíte Microsoft Office. Mas se não, é possível usar as integrações da Microsoft, como o One Note – excelente programa de anotações.

Também é possível comentar os projetos em uma página inicial como se fosse um fórum. O que ajuda muito a situar a quantas andam os projetos e demandas.

2. Gmail/G-Suit

Poderia sugerir qualquer outro, mas aqui somos taxativos com o Gmail por duas razões: a primeira é o Google Keep integrado para você fazer anotações, e a segunda é a lista de tarefas integrada.

Na página inicial do Gmail na lateral esquerda você encontra essas duas ferramentas fantásticas que podem ajudar você a não esquecer os insights importantes e não esquecer suas tarefas.

Mas como se fosse pouco, ainda temos o Google Agenda que pode compartilhar com outros usuários os eventos importantes que virão, tais como o fim de um prazo para entregar um relatório, ou a marcação de uma videoconferência.

3. Zoom

No plano gratuito você pode se reunir com uma pessoa sem limite de duração de tempo e realizar chamadas coletivas com prazo de 40 minutos. E caso o prazo esgote, ou você assina ou faz outra chamada.

Existem aplicações de inteligência artificial no Zoom que o ajuda a melhorar a chamada. Vale a pena tentar.

4. Google Drive

Na Daexe usamos o Google Drive como repositório virtual. Funciona muito bem, não tem bugs e nosso time já estava acostumado com essa arquitetura.

Mas o mais importante, acessamos nossos arquivos em qualquer lugar e muito rápido. Compartilhamos documentos e editamos na suíte do Office gratuita que já está inclusa.

É claro, existem alternativas como o One Drive da Microsoft, o DropBox e outros. Mas com a integração ao serviços Google essa ferramenta nos dá muita agilidade.

5. Scopi

Com essa ferramenta de Project Manager nos gerenciamos nossos projetos e tarefas internas. Conseguimos visualizar bem como as coisas estão funcionando e é fácil de usar.

Bem mais minimalista que o Microsoft Teams, mas muito poderoso na mão de um bom gestor!

6. MindMeister

Se você precisa desenvolver ideias, planejamentos e coisas que envolvam reunião com sua equipe, o MindMeister pode te ajudar.

Ele permite construir mapas mentais online de forma colaborativa simultaneamente com outros usuários.

O limite do uso dessa ferramenta e sua finalidade é definido pela sua critiviade!

7. Canva

O Canva é uma ferramenta de design gráfico online e gratuito. E oferece vários templates para vários formatos. Seja um tamanho A4 para a sua proposta comercial, relatório ou um slide para sua apresentação.

Você pode dar criar designs incríveis em pouco tempo que valorizem seus trabalhos.

 

 

Como-organizar-sua-empresa-em-7-dias-1

Deixe seu comentário:
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *